Produtos que não podem ser levados na bagagem aérea

Quem vai embarcar em um voo, deve saber que existem várias restrições e objetos que são proibidos de estarem nas malas, bagagem de mão ou nos bolsos. As proibições são amparadas por lei visando garantir a segurança e quem embarcar poderá responder criminalmente por colocar a vida dos passageiros em risco.

Confira a lista que consta do regulamento da Gol Linhas Aéreas:

Conforme Portaria 676 da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), a bagagem de mão ou a despachada não poderá conter os seguintes itens:

  • a) dispositivos de alarme;
  • b) explosivos, inclusive cartuchos vazios, munições, material pirotécnico, armas de caça, armas portáteis e fogos de artifício;
  • c) gases (inflamáveis, não inflamáveis e venenosos), tais como butano, oxigênio, propano e cilindros de oxigênio;
  • d) líquidos inflamáveis usados como combustível para isqueiros, aquecimento ou outras aplicações;
  • e) sólidos inflamáveis, tais como fósforo e artigos de fácil ignição;
  • f) substância de combustão espontânea;
  • g) substância que, em contato com a água, emita gases inflamáveis;
  • h) materiais oxidantes, tais como pó de cal, descorantes químicos e peróxidos;
  • i) substâncias venenosas (tóxicas) e infecciosas, tais como arsênio, cianidas, inseticidas e desfolhantes;
  • j) materiais radioativos;
  • l) materiais corrosivos, tais como mercúrio, ácidos, alcalóides e baterias com líquido corrosivo;
  • m) materiais magnéticos;
  • n) agentes biológicos, tais como bactérias e vírus;
  • Lembramos que a enumeração contida nas alíneas deste artigo não é exaustiva, podendo ser ampliada por legislação específica. Além disso, o proprietário da bagagem responde pelos danos que vier a causar ao transportador aéreo ou a qualquer outra pessoa pela inobservância das proibições estabelecidas neste artigo.

Todos os produtos perecíveis e alimentícios, comestíveis em geral, tais como peixes, crustáceos e demais frutos do mar, frescos ou congelados, devem ser acomodados em embalagem à prova de vazamentos, abertura acidental ou mau cheiro. O produto deve estar embalado internamente em saco plástico à prova de vazamento e a embalagem externa deve ser de isopor revestido com um saco plástico resistente. Somente será permitido o embarque de gelo em forma de gel ou em sacos plásticos isolados e herméticos. Caso a embalagem seja inadequada e verificando-se que ela pode danificar o veículo ou outras bagagens dos demais passageiros, poderá a GOL recusar o produto e negar o seu transporte.

  • Conforme os regulamentos da Aviação Civil, a GOL poderá inspecionar o conteúdo interno das caixas de isopor para examinar as condições de embalagem.
  • Para o caso de transporte de armas, deverão ser observadas as restrições e instruções especiais tratadas em legislação específica.
  • Só serão transportadas cadeiras de rodas motorizadas com baterias em gel. Demais cadeiras serão embarcadas sem as suas devidas baterias.
  • Caso tenha dúvidas sobre quaisquer tipos de materiais, entre em contato com nosso Central de Relacionamento com o Cliente (CRC): 0800- 704- 0465.

Curta no Facebook:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *